Com casos confirmados de coronavírus no Goiás, CBF adia partida contra o São Paulo

Com casos confirmados de coronavírus no Goiás, CBF adia partida contra o São Paulo

Publicado por Brasil Vegas, 10/08/2020

A partida entre Goiás e São Paulo, válida pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, precisou ser adiada pela CBF. Algumas horas antes do jogo, o time goiano entrou com um pedido no STJD para transferir o confronto, já que dez jogadores testaram positivo para Covid-19, sendo oito titulares. A entidade ainda não anunciou uma nova data para o jogo.

Dez dos 23 jogadores concentrados foram positivados. Infelizmente, fomos comunicados apenas no dia de hoje. Preferimos agir com coerência e pedir que o jogo fosse adiado. Entramos com uma liminar no STJD com essas alegações porque esportivamente seria uma coisa descabida. Teríamos 13 jogadores em campo, 11 titulares e dois reservas. Por questões de segurança e saúde também. Como os jogadores estavam concentrados, não sabemos dizer se os outros podem estar contaminados”, ressaltou Marcelo Almeida, presidente do Goiás.

O São Paulo já havia entrado em campo quando recebeu a notícia de que o jogo seria adiado. Os novos jogadores convocados pelo Goiás não conseguiram receber o resultado do teste até o momento da partida e o adversário concordou com a decisão da equipe.

O São Paulo manifesta apoio e informa que está de acordo com a decisão de adiamento do jogo deste domingo, em Goiânia. Não há nada mais importante, neste momento, do que preservar a saúde e refletir à sociedade a importância dos cuidados”, publicou o clube em suas redes sociais.

O Goiás explicou que a realização dos exames pelo Hospital Albert Einstein aconteceu na quinta-feira, mas uma falha no processo ocasionou a repetição do procedimento, por isso os resultados saíram apenas no domingo de manhã. O estabelecimento de saúde confirmou a falha técnica nos exames do Goiás e do Vila Nova, que teve um caso confirmado só depois do deslocamento para a partida da Série C.

O Hospital Israelita Albert Einstein identificou uma falha técnica na coleta das amostras, feita em um laboratório parceiro em Goiás, para realização de teste RT-PCR em atletas e equipes dos clubes Vila Nova e Goiás. Solicitou, portanto, novas amostras antes do processamento dos exames. Elas foram refeitas e encaminhadas para análise no laboratório do hospital em São Paulo, sem nenhum prejuízo aos prazos estabelecidos para apresentação dos resultados”, comunicou o hospital parceiro da CBF na realização dos testes.

Com a informação, a diretoria do time goiano fez o possível para realizar novos testes em todos os jogadores e seguir o protocolo estabelecido pela CBF. O clube estava disposto a entrar em campo desde que conseguisse escalar o mínimo de atletas necessário sob o comando do técnico Ney Franco. Porém, sem os novos resultados e sem uma resposta da CBF, o Goiás preferiu pedir o adiamento da partida no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

Foto: Goias EC

Cassinos em Destaques

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

  • AmuletoBet Casino

    AmuletoBet Casino

    45x
    Rollover
    R$60
    Depósito min.
    9.99
    Oferta apenas para novos jogadores. Esta oferta não pode ser combinada com nenhuma outra oferta. Termos & Condições são aplicáveis.

Melhores

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

Últimos Artigos

Melhores Jogos

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

Já possui conta?

Fechar

Entre com seus dados de login

Nome de usuário

Senha

Cadastre-se

Faça agora seu cadastro para ter acesso a conteúdos exclusivos!

Nome de usuário

Senha

Nome completo

CPF

E-mail

Telefone com DDD

Usuário no YouTube (opcional)

Usuário na Twitch (opcional)

Data de Nascimento

PIX

Copyright © 2022 | info@brasilvegas.com | @brasilvegasoficial