Pacote de mais de R$31 milhões foi aprovado pela FINA para amparar atletas olímpicos durante a pandemia

Pacote de mais de R$31 milhões foi aprovado pela FINA para amparar atletas olímpicos durante a pandemia

Publicado por Brasil Vegas, 22/07/2020

Um pacote de financiamento de mais de US$ 6 milhões (aproximadamente R$ 31 milhões) para os atletas que forem disputar as Olimpíadas de Tóquio foi aprovado pela FINA (Federação Internacional de Natação). O plano de apoio terá três programas diferentes destinados a 160 federações nacionais para ajudar com treinamento, com a competição e com o custo de vida durante a pandemia.

A Fina criou e aumentou esses programas para expressar seu compromisso inabalável com os atletas aquáticos que continuam sofrendo dificuldades relacionadas ao treinamento e às oportunidades competitivas devido à pandemia. A Fina já assumia um compromisso extraordinário de redistribuir, durante um período de quatro anos, uma parte substancial de sua receita relacionada aos Jogos Olímpicos. No entanto, como muitos planos anteriores das federações nacionais e das organizações continentais não podem ocorrer devido a restrições de viagem, a Fina permitiu um alto nível de flexibilidade no uso de seu apoio financeiro, com forte ênfase na assistência direta aos atletas”, ressaltou a entidade.

O objetivo principal deste programa é fornecer assistência direta aos atletas que se preparam para competir em Tóquio. A Fina reconhece a importância do apoio a todos os atletas, incluindo atletas de elite com perspectiva de medalha, além de atletas menos experientes de países em desenvolvimento que tentam atingir os padrões de qualificação olímpica. E deposita grande confiança nas Federações Nacionais e nas Organizações Continentais para desenvolver soluções criativas e eficazes para os atletas que competirão em Tóquio. Desenvolvemos um processo simples e direto para os atletas receberem financiamento e sabemos que esse nível sem precedentes de apoio financeiro permitirá que os atletas aquáticos alcancem todo o seu potencial”, disse o presidente da Fina, Julio Maglione.

O Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, que aconteceria em Fukuoka, no Japão, em 2021, foi adiado para o próximo ano para não ter um confronto com os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Foto: Shutterstock

Cassinos em Destaques

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

Melhores

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

Últimos Artigos

Melhores Jogos

Somente novos usuários - Aplica-se T&C

Já possui conta?

Fechar

Entre com seus dados de login

Nome de usuário

Senha

Cadastre-se

Faça agora seu cadastro para ter acesso a conteúdos exclusivos!

Nome de usuário

Senha

Nome completo

CPF

E-mail

Telefone com DDD

Usuário no YouTube (opcional)

Usuário na Twitch (opcional)

Data de Nascimento

PIX

Copyright © 2022 | info@brasilvegas.com | @brasilvegasoficial